Moda infantil se mantém em movimento no país

O mercado infantil continua em alta mesmo em tempos de crise. O setor aumentou 6% no ano de 2016, de acordo com dados levantados pela Abravest (Associação Brasileira do Vestuário). Já o vestuário para adultos sofreu uma queda de 9,8%.

O crescimento do setor infantil está relacionado ao desenvolvimento da criança, ou seja, elas crescem muito rápido. As pesquisas apontam que, no primeiro ano de vida, elas crescem 25 centímetros, enquanto que no segundo ano aumentam 10 cm.

Ao chegarem aos dois anos de idade, crescem em média de 5 a 7 cm até que cheguem à fase da puberdade. Sendo 9 cm/ano para meninas e 10 cm/ano para os meninos.

A relevância dos calçados no universo infantil

O faturamento do setor de calçados alavancou nos últimos dez anos. Durante esse período, o setor se superou, passando da 14ª posição para a 8ª colocação entre os maiores mundialmente.

Informações do IBGE mostram que a produção de calçados até o mês de novembro teve crescimento de 6,6% comparado ao mesmo período do ano de 2012. Enquanto que no varejo, até o mês de outubro de 2013, houve um crescimento de 3,2% em comparação com o mesmo período de 2012.

O Brasil teve uma produtividade de 864 milhões de pares de sapatos, portanto a maior parte da produção foi de sandálias, chinelos e injetados. Quanto aos calçados de couro com maior valor, permaneceu estável no mesmo período.

Escolha o calçado ideal para o seu filho

Comprar calçados para criança não é uma tarefa tão simples. No mercado, estão disponíveis diversos estilos de sapatos infantis, mas é preciso levar em consideração alguns fatores muito importantes na hora da compra.

Os calçados, além de bonitos e confortáveis, devem ser funcionais, de modo que permitam o crescimento saudável dos pés da criança. É primordial saber se o sapato é adequado aos pés, dessa forma é possível evitar desconforto e problemas relacionados à má formação.

Evite comprar um calçado com número maior ou menor, todo calçado deve ser adquirido com o tamanho ideal. Do contrário, poderá causar danos à saúde dos pés de seu filho, além de provocar desequilíbrio e possíveis quedas que poderão causar danos maiores.

Outro fator importante que deve ser levado em consideração é pensar para qual ocasião o calçado está sendo comprado, uma vez que a preocupação é a saúde dos pés da criança. Dependendo do lugar, esse sapato precisa ser confortável e permitir que o seu filho brinque livremente.

Se o seu filho está precisando de calçados confortáveis e de boa qualidade, há diversas lojas do segmento infantil no mercado que contam com os mais diferentes modelos e estilos de calçados.

MA Fonte: Noticias.Dino

Clique aqui caso tenha interesse e necessidade de publicar nos Jornais de Grande Circulação do Rio de Janeiro como por exemplo O Globo, Extra e Expresso.

Clique aqui caso tenha interesse e necessidade de publicar  no Diário Oficial do Município do Rio de Janeiro.

Clique aqui caso tenha interesse e necessidade de publicar  no Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro.

Clique aqui caso tenha interesse e necessidade de publicar no Diário Oficial do Estado de São Paulo.